Motoristas por aplicativos se unem para se ajudarem durante pandemia.

Em tempos extremamente difíceis, vividos pelos motoristas por aplicativos nos dias atuais devido a pandemia, um grupo de motoristas se unem e se reinventam procurando uma alternativa de vencer as dificuldades fruto do COVID-19.
Enxergando as rendas do motoristas caírem em até 90% segundo relato de alguns,  Valter de 25 anos, que a dois anos e meio atua como motorista, já há um tempo vinha desenvolvendo um projeto de um consorcio entre os motoristas, porém com a pandemia se viu obrigado a colocar em pratica seu planos de forma antecipada.

Valter (tonelada)

“A intenção é essa pois os aplicativos não dão muita assistência pra nós motoristas pois as vezes precisamos fazer uma manutenção no veículo e as vezes acabamos ficando sem dinheiro e o consórcio ajudaria muitos motoristas”.

Tonelada explica como funciona

“Consórcio funciona da seguinte maneira os participantes depositam o valor na conta do administrador do grupo, que fica responsável pela administração do sorteio, eu estou estudando também ser pago através de boleto pois o associado tem uma segurança a mais também.”

 

“Quero que chegue a todos os motoristas de BH e região metropolitana, mas por enquanto estamos com poucos participantes no grupo.” Diz Tonelada e manda um recado aos motoristas que ainda não participam.

“Eu digo pra eles entrarem, pois, a gente unida somos mais fortes pois se a gente depende da ajudar dos aplicativos nunca vamos ter uma ajuda pois as vezes tomamos calotes em corridas e os aplicativos não fazem nada pra nós recompensar.”

 

Interessados em participar podem entrar no grupo atreves do botão abaixo.

 

Motoristas que aderiram ao consórcio.

Vários motoristas já aderiram ao consorcio.
Todos reconhecem a importância da  união do grupo e acreditam muito no sucesso do consorcio.

Otávio Zschaber Cordeiro Júnior

 Otávio Zschaber Cordeiro Júnior,  de 39 anos,  solteiro.
Trabalha como motorista de aplicativo, já são quase 3 anos relata.

“Senti  minha renda caiu mais de 90% e também o número de corridas por dia diminuiu muito. O que eu ganhava em uma semana hoje eu não faço nem a metade desse valor.”
Otávio destacou o principal motivo para entrar no consorcio foi ajudar os motoristas companheiros.

“Ajudar os parceiros de volante que estão passando por necessidade e que tem família para cuidar, sendo esse o pilar e gestor do lar e vendo sua renda cair drasticamente começa faltar algo em casa, as contas chegam e na hora você diz:
– E agora? Eu levo comida ou pago as contas?”

“Fiquei sabendo através de outros grupos no WhatsApp em que participo. Acompanho aos poucos.
Li sobre esse grupo, o seu objetivo e decidi participar.
Hoje eu estou ajudando quem está passando por problemas por falta ou dinheiro escasso.
É pouco mas ajuda.
Eu também estou passando por isso, mas um pouco eu ajudar fará muita diferença nesse momento para esse e outros parceiros de volante.”

Otávio elogia atitude de Tonelada.

“Que ele continue, ganhe cada vez mais adeptos e que possa ajudar muitos parceiros e colegas nesse momento e também no dia a dia.
Quem ajuda um parceiro hoje, amanhã será ajudado. Creio muito nisso e que a categoria se torne cada vez mais unida.
Juntos somos mais fortes.”

Cordeiro manda um recado aos motoristas que ainda não fazem parte do consorcio.

“Entrem e façam parte desse projeto e dessa campanha.
O amanhã nunca saberemos como será.
Um pouco de cada ajudando poderemos ajudar a todos e isso você tende a crescer espiritualmente, profissionalmente e ser cada mais humano.
O Mundo e seus povos agradecem. “

Renato, motorista por aplicativo há três meses sentiu um impacto de no mínimo 70% em seus ganhos pós pandemia.

” Senti uma queda de no mínimo 70%.

 Vi uma possibilidade de juntar dinheiro.”

Renato elogia o consorcio e fala sobre o que espera dele para o futuro.

” Muito bom, pois nós ajudamos uns aos outros

 Espero que possamos continuar e sempre aumentando o número de participantes, venham participar, pois é um valor que não aperta e que quando recebe junto é muito bom.”

Um motorista que não quis ser identificado, cujo qual chamaremos de Samuel, atua nas plataformas há 6 meses e teve seu ganho reduzido devido a pandemia em 50%.

” Não, nunca fui muito fã de aparecer em jornal, tv, etc. 

Rodava mais final de semana. 

Tive reduzida consideravelmente minha renda, em torno de 50%.”

Samuel conta porque entrou no consorcio.

Poder ajudar as pessoas e ao mesmo tempo ser ajudado

Fiquei sabendo em um grupo de motoristas de App, enviaram o link e entrei

 Sinceramente não lembro o grupo em qual peguei o link, pois participo de vários.

Ao se referir de montanha Samuel diz.

“Merece ser aplaudido de pé, pois está ajudando a todos e também aumentando a união de nós motoristas

 Unidos somos mais fortes

Oque espera para o futuro do consorcio?

 Que ele aumente o número de participantes para beneficiar mais pessoas

Quanto mais gente melhor

 Oque você diria para as pessoas que ainda não faz parte.

 Que devem pensar melhor e se tiverem condição participar pois será muito bom para nós motoristas

Nayara Mara motorista por aplicativos a 3 anos também faz parte do grupo do consorcio.

Ao ser questionada se sua renda foi afetada diz.

” Muito

 Acho que a renda de todos

 Contas

 Uma boa forma de juntar dinheiro.

Onde você ficou sabendo do consórcio?

“No grupo!

No Grupo Uber

Tonelada que me colocou.”

 Oque você espera para o consórcio no futuro?

“Rsrs (risos)

Só que o pessoal pague direitinho

A gente aumente o valor a pagar

E principalmente o valor a receber kkkkkkk.” (gargalhada)

Oque você diria para as pessoas que ainda não faz parte?

“Olha eu diria que a ideia de consórcio é ótima pra te forçar a juntar um dinheiro.”

Warley  Leite

 

A união da categoria é muito importante.

Cristo em um de seus ensinamentos disse:

“Todo reino dividido contra si mesmo será arruinado, e toda cidade ou casa dividida contra si mesma não subsistirá.”

É o que vemos acontecer em nosso meio.

A pandemia somente agrava uma crise que existe já em nosso meio a tempos.

Todos os dias motoristas deixam as plataformas pois não tem condições de exercer suas atividades por falta de onerosidade justa. 

Ao mesmo tempo entram centenas de motoristas diariamente. 

Os aplicativos agradecem nossa falta de união e organização, pois os favorecem manter seus lucros na disputa pelo mercado as nossas custas.

Que o exemplo de união, organização e solidariedade do Tonelada e seu grupo, alcance e contagie toda nossa classe, para que possamos evoluir como profissionais e pessoas  melhorar nossas condições como motoristas…

Outras matérias que possam lhe interessar

3 thoughts on “Motoristas por aplicativos se unem para se ajudarem durante pandemia.

  1. Ótima matéria. Gostei muito isso mostra que estamos chegando cada vez mais onde realmente precisamos na União da classe a qual participamos direta e indiretamente seja como Motoristas, parceiros e o mais importante seres humanos solidários uns com os outros. Parabéns pela matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Next Post

Mulheres motoristas por aplicativos oque elas passam? já imaginou ?

Quando falamos na ocupação de motorista por aplicativos, logo imaginamos uma profissão muito perigosa.  Todos os dias são vários casos pelo Brasil, onde são narrados abusos, assaltos, desaparecimento e muita das vezes até morte. Do outro lado, não podemos esquecer dos inúmeros casos de assédios e acusações de estrupo contra […]

Inscreva-se agora